FANDOM


Eddy Merckx Molteni 1973

Eddy Merckx

Edouard Louis Joseph Merckx, Baron Merckx (17 de junho de 1945, Meensel-Kiezegem, Bélgica), conhecido como Eddy Merckx é um ex-ciclista belga. Merckx é considerado por muitos como o maior ciclista de todos os tempos.

Sua carreira de ciclista começa em 1961, e ela ganha seu primeiro título importante em 5 de setembro de 1964 em Sallanches : campeão mundial amador. Em 1965, Merckx torna-se profissional.

Eddy Merckx possui a mais impressionante lista de títulos do ciclismo mundial: obteve 525 vitórias ao longo de sua carreira, e seu apetite voraz de vitórias lhe valeu o apelido de Canibal. Merckx ganha o Giro d'Itália, o Tour de France cinco vezes e uma vez a Vuelta a España. No Tour de France, obteve 34 vitórias de etapa e vestiu a camisa amarela (maillot jaune) durante um total de 96 dias. Em 1969, Merckx terminou o Tour com as camisetas amarela, verde e "às pintas" (montanha). Obteve o recorde mundial da hora em 25 de outubro de 1972 no México com 49,431 km.

Eddy Merckx é considerado o maior atleta belga de todos os tempos. Ele é o único atleta belga a ter sido nominado atleta mundial do ano, e isso três vezes: em 1969, 1971 e 1974. Para a Federação belga de Ciclismo, ele é o ciclista belga do século. Eddy Merckx retirou-se das competições em maio de 1978. Seu filho Axel escolheu a mesma profissão do pai.

Atualmente, o «Grand Prix Eddy Merckx» é uma corrida contra o relógio - um circuito de 60 quilômetros em torno de Bruxelas - que atrai cada ano, no início de setembro, as grandes estrelas do ciclismo.

Eddy Merckx é atualmente um empresário de sucesso como fabricante de bicicletas (http://www.eddymerckx.be) e comentarista esportivo de ciclismo. Quando perguntado que conselho daria a ciclistas jovens que desejam ser profissionais, disse: "Pedalem bastante".

BiografiaEditar

InfânciaEditar

Eddy Merckx, nasceu em uma família que era proprietária de uma mercearia localizada no subúrbio de Woluwe-Saint-Pierre, em Bruxelas. Ele era o mais velho de três filhos. A família mudou-se para um bairro da capital belga quando ele era uma criança. Ele disse:

"Tive uma infância agradável. Eu tive pais amorosos, e muito sensíveis. Nós não éramos ricos, mas meu irmão e minha irmã... e eu nunca quis nada. Meu pai era um homem de grande caráter e minha mãe foi calorosa e acolhedora. Ambos os modelos foram maravilhosos para mim. Como acontece a todas as crianças, eu sou uma mistura de ambos. Minha determinação e trabalho duro veio do meu pai. Ele trabalhou incansavelmente para construir o seu negócio. Ele era rigoroso com a disciplina, mas era um pouco filósofo. Eu sempre lembro de suas palavras toda a minha vida. Da minha mãe eu tenho meu lado mais suave. Um exemplo disso é que muitas vezes acho que as pessoas dizem que não."

Ele teve sua primeira bicicleta de estrada, de segunda mão, com oito anos de idade. Naquela época, seu herói era o ciclista belga Stan Ockers, que morreu em uma corrida em Antuérpia em 1956:

"[...Ele era meu herói] do Tour de France. Ockers venceu várias etapas no Tour, conquistou a camisa verde duas vezes e terminou em segundo lugar na classificação geral. Ele estava sempre nas notícias do Tour de France e o Tour era tudo para mim. A corrida. Eu ainda não sabia muito sobre os clássicos, porque eles eram sempre no domingo, e esse era o dia que ia visitar minha avó em sua fazenda em Meensel-Kiezegem onde eu nasci."

Assim mesmo em suas juventude, Merckx foi um mal aluno, ainda que se destacasse no esporte. Ele afirmou:

"Eu odiava a escola, eu adorava jogar todos os esportes, mas odiava estar lá. À abandonei, logo que pude. Isso me causou problemas em casa, especialmente meu pai. Mas também foi típico dele para apoiar a minha decisão, especialmente quando ele via que eu gostava do que escolhi, e eu o fazia bem."

Carreira como ciclistaEditar

Eddy Merckx 1966

Eddy Merckx em 1966

A carreira ciclística de Eddy Merkx começou em 16 de julho de 1961, em Leken. Em 1964 ele conseguiu seu primeiro grande título ao vencer o campeonato amador.

Em 01 de maio de 1965 deu o salto para o ciclismo profissional, nele acumulou um histórico grande e invejável, o maior na história do ciclismo, tendo a seu crédito um total de 525 vitórias. Precisamente por causa da sua insaciável sede de vitórias, que o fez em plena disputa todas as corridas em que participou, por isso nasceu o apelido de O Canibal.

Em 1970 ele foi nomeado o melhor do mundo do esporte.

Em 25 outubro de 1972 bateu o recorde mundial da hora com uma marca de 49,431 km no velódromo da Cidade do México. Ocupou este registro até 1984, quando foi batido por Francesco Moser. Em 1964 participou dos Jogos Olímpicos de Tóquio.

Ele se aposentou em 01 de maio de 1978.

Nos últimos anos tem sofrido problemas de saúde significativos, a obesidade a principal, por causa diso em 2004 ele fez uma operação de redução do estômago.

HistóricoEditar

1965

1966

1967

1968

1969

1970

1971

1972

1973

1974

1975

1976

1977

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.